Ricos, rico, pobres, psicologia

Vizinhos incómodos: Com quem estou a partilhar o servidor de alojamento?



Com quem estou a partilhar o meu servidor? Talvez esta seja uma questão sobre a qual nunca pensaste realmente, mas posso garantir que é mais importante do que provavelmente estás a pensar. Como se sabe, existem diferentes tipos de hosting/alojamento, e entre eles um dos mais populares devido ao baixo preço é o alojamento partilhado. Trata-se de partilhar o servidor onde tens o seu site alojado com outros utilizadores. O alojamento partilhado torna-se mais barato porque não assumes todos os custos, uma vez que os recursos são partilhados por todos quantos têm o seu site/blog alojado no mesmo servidor.

 

Um vizinho incómodo pode afetar os posicionamentos no Google

Mas o que é que o Google tem a ver com isto tudo? Lembra-te que estás a partilhar o servidor onde tens o teu site alojado com outros utilizadores. O teu site até pode ser o mais inocente do mundo, onde trabalhaste imenso e esforçaste-te para melhorar nas posições dos resultados de pesquisa, tentando ter um blog exemplar e atrativo para o Google em todos os aspetos (em principio). No entanto, isso não quer dizer que o resto dos sites com os quais partilhas o mesmo servidor estão a seguir as mesma linhas de orientação e que são uns “anjinhos com asas”.

Imagina que um ou mais sites com que partilhas o servidor estão penalizadas pelo Google devido a praticas de “black hat SEO” como a compra de links, ou que por exemplo há também portais com conteúdo pornográfico, e outros que se dedicam ao envio massivo de SPAM. Sabes o que vai acontecer? O Google vai-te penalizar embora tu não tenhas culpa de nada do que os outros estão a fazer. Vais ser penalizado e todos quantos estão a partilhar o mesmo servidor, porque para o Google são todos iguais, daí a importância de saber com quem estamos a partilhar o servidor e o alojamento.

 

Como posso saber com quem estou a partilhar o servidor?

alojamento partilhadoPara responder a esta pergunta, há uma ferramenta muito útil chamada MyIPneighbors, onde podemos introduzir a URL do nosso site, sendo-nos apresentada uma lista dos sites com que estamos a partilhar o servidor. O problema é que a versão gratuita apenas nos mostra uma lista de 10 websites, o que é manifestamente insuficiente. Se queres saber mais és obrigado a recorrer à versão paga (68$).

 

Tem de haver outra forma…

Sim. Existe uma outra forma (grátis ainda por cima), através da utilização do motor de pesquisa da Microsoft, o Bing. Basta inserir o IP do nosso site e o Bing apresenta-nos os resultados de pesquisa armazenados para esse IP, pelo que também vão aparecer os resultados dos sites com quem estamos a partilhar o servidor.

servidorPara isso basta introduzir no Bing o teu IP tal como vemos na imagem, e esperar pelos resultados apresentados. Os sites que aparecem como resultado da pesquisa são os teus vizinhos no servidor.

 

Qual é o meu IP?

Para conhecer o teu IP podes entrar em Webmaster Tips e introduzir o URL. Esta ferramenta fornece diversa informação como o IP, o Page Rank, Ranking Alexa, Sites que têm ligações para nós, etc.

servidor partilhado

Socorro! Tenho um vizinho incómodo!

Já sei com quem estou a partilhar o servidor e não gosto nada… Mas o que posso fazer? A solução neste caso é pedir à empresa de alojamento que te dê (venda) um IP único. Para dar um exemplo, seria como se o teu site vivesse num bloco de apartamentos. É o mesmo edifício (servidor) para todos, mas tu vives no teu piso (IP) sem ter que dar importância ao que cada um faz em sua casa.

De qualquer das formas ninguém gosta de viver num bloco de apartamentos problemático, tal como não é aconselhável que estejas a partilhar o mesmo servidor com vizinhos incómodos. Se por exemplo um dos teus vizinhos abusa da capacidade do servidor, não será apenas o site dele que fica inacessível, serão todos os sites que estão alojados nesse servidor que vão ficar inacessíveis.

Por essa razão, se tens planos para desenvolver o teu projeto e levá-lo a outro nível, o melhor é começares a pensar em arranjar forma de ter um servidor apenas para ti. Vais gastar mais dinheiro num plano de alojamento privado (VPS), mas vais dormir mais tranquilamente à noite sem estares a pensar com quem estás a partilhar o servidor.



Sem comentários

Escrever um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.