13 Conselhos para Melhorar a Segurança da sua Loja Online

Independentemente do tipo de negócio em questão, a segurança é um fator muito importante. No caso das lojas tradicionais, a utilização de câmaras fotográficas ou janelas reforçadas, são medidas concebidas para evitar qualquer roubo.
Do mesmo modo, no comércio eletrónico, encontramos também uma montra virtual à qual muitas vezes não dedicamos os mesmos recursos em termos de segurança. Estamos a referir-nos à loja online.
Vale sempre a pena rever algumas medidas que nos podem ajudar a cuidar da imagem de marca de muitas lojas online face às ameaças de cibersegurança. Da All4Sec, lançaram uma lista de medidas que nos podem ajudar neste processo.
loja online

Medidas para melhorar a segurança da sua loja online

  1. Verifique a configuração do seu servidor web, independentemente de estar alojado por um fornecedor externo ou fazer parte da sua própria infra-estrutura interna.
  2. Tenha desabilitado qualquer serviço que não seja estritamente necessário. Reveja cuidadosamente as permissões dos ficheiros e diretórios. Lembre-se de que os plugins externos podem ser uma fonte de perigo.
  3. Verificar se o servidor está atualizado com as últimas versões dos sistemas operativos e servidores web (quer sejam de domínio comercial ou público).
  4. Atualize a versão do sistema de gestão de conteúdos ou CMS que está a utilizar para eliminar ou reduzir possíveis vulnerabilidades no sistema.
  5. Dê uma última vista de olhos à sua política de SEO para melhorar o posicionamento nos motores de busca.
  6. Lembre-se que se gerir dados pessoais, estes devem ser protegidos e encriptados.
  7. Ter visível e de acordo com os regulamentos de Proteção de Dados e os termos e condições de utilização do seu website.
  8. Rever a política de cookies e lembrar-se de pedir autorização aos utilizadores.
  9. Analise a segurança do certificado SSL do seu servidor web, pode afetar o seu posicionamento SEO se o Google o considerar pouco fiável.
  10. Verifique se tem backups regulares guardados em equipamento de armazenamento externo.
  11. Verifique as permissões de acesso dos seus utilizadores autorizados e os seus procedimentos de ligação segura. Um utilizador autorizado é aquele que tem permissões para fazer qualquer consulta ou modificação ao serviço web. Não confundir utilizadores autorizados com utilizadores registados.
  12. Auditar a sua plataforma e serviços com um fornecedor de segurança externo em busca de vulnerabilidades e tomar as medidas que recomendam.
  13. Fique de olho na sua reputação online para que não afetem a sua imagem e a do seu negócio. Por exemplo, esteja atento a possíveis campanhas de phishing que possam prejudicar a sua credibilidade.
Finalmente, é de notar que a loja oline pode ser tão, ou até mais importante do que as lojas físicas. Negligenciar a sua segurança pode ser uma razão para ser roubado e o seu negócio ser afetado, bem como os dados dos clientes poderem cair nas mãos erradas.

Deixa o teu comentário